Singeleza de coração

A diaconisa cumprimentou o pastor Premium na saída do culto na mega-igreja e lhe segredou: estamos preparando uma surpresa para o senhor.
Ele sorriu e agradeceu a simpática irmã.
Mais tarde, no 8º andar, no CEO Ministry Room, ele perguntou ao seu assessor direto, o pastor Platinum, o que ela quis dizer.
“Acho que deve ser algo relacionado ao seu aniversário. Devem ter preparado um bolo, etc. Sabe como essa turma é”.
“O que? Só me faltava essa! Vou receber o vice-governador para um jantar em minha casa nesse dia e ele me prometeu levar o relator da comissão de assuntos religiosos. É a chance que eu estou esperando há tempos”.
“Ok, vou checar o que realmente prepararam e lhe aviso”, conclui o pastor Platinum.
Sem grande esforço o assessor descobriu que, de fato, as irmãs pretendiam fazer um “bolinho”, dar-lhe os parabéns, cantar alguns louvores e uma das irmãs iria trazer uma breve meditação.
De posse da preciosa informação, a repassou ao pastor Premium, que ficou mais aliviado.
“Já pensou se essa turma resolve aparecer em minha casa à noite? Ninguém merece!”, comenta ele com o pastor Platinum.
Mas, por umas dessas ironias do destino – ou desíginios divinos – chegado o dia do aniversário, o pastor Premium prega apenas no culto das 13h e vai embora para casa, para estar bem disposto para o jantar com o vice-governador.
As irmãs ao descobrirem que o pastor Premium não retornaria à igreja ficam meio desapontadas, até que uma delas propõe: “Vamos fazer uma surpresa completa. Que tal irmos para sua casa, levarmos o bolo, os refrigerantes e lá fazermos a homenagem? Ele com certeza irá gostar!”
À noite, o aparato no condomínio “Heaven´s Gardens” estava mais movimentado do que o normal.
Afinal, o condomínio abriga algumas das residências mais caras e suntuosas da cidade e várias personalidades do mundo empresarial, político e artístico moram ali.
Naquela noite, intensificaram a segurança devido a presença do vice-governador, seus assessores e várias personalidades do governo que compareceriam ao jantar na casa do pastor Premium, uma das mais imponentes do condomínio.
Assim, quando o grupo de senhoras se aproximou do portão carregando vários embrulhos, a reação natural dos seguranças foi de alerta.
“Alto lá! Aonde pensam que vão?”, rugiu um dos seguranças, um atlas com mais de dois metros de altura.
Tentando demonstrar calma, uma das irmãs respondeu:”Nós vamos à casa do pastor Premium. Hoje é aniversário dele e viemos lhe fazer uma surpresa”.
O segurança olhou bem sério para elas e se comunicou com o chefe do segurança através do fone de lapela.
Visto que não tinham muito a argumentar – nem era prudente fazê-lo – as irmãs ficaram paradas, ouvindo o diálogo travado entre o segurança e seu chefe.
“Elas estão dizendo que vieram fazer uma surpresa para o pastor Premium”. “Sei, sei, ok chefia, pode deixar comigo. Positivo”, disse ele, encerrando o diálogo.
“E então”, perguntou a irmã, “podemos entrar?”.
“Não, não podem! Aconselho vocês a sumirem daqui antes que chegue a comitiva do vice-governador!”.
“Mas isso é um abuso!”, reagiu uma irmã.
“Olha aqui, minha tia, não abuse da sorte. Pode ir!”, encerrou o assunto outro segurança, ainda maior e mais forte do que o primeiro, abrindo o terno e deixando aparecer uma pistola que mais parecia um canhão.
A prudência e o instinto de sobrevivência falaram mais alto e as irmãs se foram, sumindo na rua escura.
Enquanto observa o grupo se retirar, o segurança recebe um chamado da casa do pastor Premium.
“E então, elas desistiram?”, pergunta alguém, aflito.
“Elas tem juízo, chefia, elas tem juízo”, tranqüiliza-o o segurança, um gigante de ébano.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s